Um comentário em “Perdoa-lhes[nos], pois não sabem[os] o que fazem[os]”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.